Vídeo (Objeto multimídia)
PENTATLO MODERNO
HOME
NOTÍCIAS

WC Sarasota - Britânica Murray não dá chances no combinado e fatura o ouro

A britânica Samantha Murray (foto) faturou a 1ª Etapa da Copa do Mundo disputada hoje nos EUA. Murray, foi bem em todas as disciplinas conquistando 20 vitórias em 35 confrontas na prova de esgrima, obteve o 2º melhor resultado na natação (2'09"84) atrás apenas da francesa Elodie Clouvel. Perdeu somente 7 pontos no hipismo devido a 1 derrube nos obstáculos e finalizou com o tempo de 13'35"88 o evento combinado, garantindo o ouro. A medalha de prata ficou com a norte-americana Margaux Isaksen que competindo em "casa" e com apoio da torcida segurou a britânica Kate French na 2ª metade do evento combinado. A atual nº 1 do mundo, a chinesa Qian Chen, terminou na 21ª posição. A mexicana Tamara Vega foi a 13ª colocada enquanto a russa Donata Rimsaite terminou em 4º após superar 10 adversárias com o melhor combinado desta final (13'05"48). A francesa Clouvel que largou em segundo, foi perdendo posições e terminou na 9ª posição. A campeoníssima alemã Lena Schoneborn foi a quinta colocada e a chinesa Wanxia Liang, ficou na sexta colocação.
Priscila Oliveira - Conquistou 13 vitórias em 35 confrontos na esgrima + 1 vitória extra no bônus de esgrima. Nadou os 200 metros para 2'18"97 contra 2'18"43 da semi-final. No hipismo foi uma das melhores perdendo somente 7 pontos por conta de 1 derrube e finalizou com o tempo de 14'09"73 no evento combinado, terminando na 26ª colocação.
Yane Marques - Obteve 18 vitórias na esgrima, marcou 2'18"97 na natação (ainda bem abaixo do que pode realizar), fez um percurso muito ruim na prova de saltos contabilizando 5 derrubes na estreita pista de grama e apesar dos obstáculos estarem com pouca altura, muitas atletas tiveram problemas nesta modalidade. O seu tempo de combinado foi de 14'15"96, terminando na 24ª posição. ane obteve 3 vitórias no super-bônus da esgrima onde em ordem decrescente da posição obtida na esgrima, na modalidade perdeu tá fora", com destaque para a alemã Janine Kohlmann com 5 êxitos e de Elena Rublevska (LET) com 4 vitórias.



WC EUA 2015 - Classificação Feminina, Yane e Priscila na final

Pelo grupo A, a italiana nº 16 do ranking - Claudia Cesarini, não avançou a final. A velocista bielo-russa Anastasiya Prokopenko, foi "atropelando" todo mundo anotando 14'24" e chegando em 1º com a russa Anna Burjak. As demais favoritas do grupo A, as chinesas Qian Chen e Wanxia Liang, além da mexicana Tamara Vega e Samantha Murray, avançaram sem dificuldades.
Pelo grupo B, Lara Lellys fez uma boa prova de natação com 2'19"46 sendo a 11ª entre as 28 atletas do grupo B. Na prova de esgrima obteve 12 vitórias e 15 derrotas (17ª) com 44% de aproveitamento. Largando na 14ª posição no evento combinado com 70 segundos de desvantagem sobre a então líder a chinesa Xiaonan Zhang, Lara anotou 15'30"38 (19ª), terminando na 21ª colocação e não conseguiu avançar para a final. Priscila Oliveira, foi a 7ª em seu grupo na natação com 2'18"43 e conquistou 13 vitórias na esgrima com aproveitamento de 48%, uma a mais do que Larissa. Com estes resultados, largou na 11ª posição com 59" de atraso em relação a chinesa Zhang. Pri Oliveira combinou para 14'37"18 (11º), terminando na 11ª posição no grupo B, ficando com a 35ª vaga para a final.
Pelo grupo C, a nº 11 do mundo, a brasileira Yane Marques, começou a competição na 5ª posição na prova de natação, anotando 2'17"46 e com aproveitamento de 57% na prova de esgrima com 16 vitórias em 28 confrontos, lhe rendeu largar na 5ª posição com 43" de atraso sobre a então líder, a ucraniana Anastasiya Spas. Dentre as favoritas deste grupo C, a brasileira terminou em 7º com 14'25"47 ((14º) de combinado, a alemã Lena Schoneborn (nº 4 do mundo), terminou em 2º, a russa Donata Rimsaite (nº 5) foi a 1ª colocada com 13'47"49 de combinado. A canadense Malanie McCann (nº 13), largou muito atrás (83 segundos) e terminou na 18ª colocação, ficando fora da final.

PESQUISAR
Flèche - Material de Esgrima
Parceiros
Korukian